Doença de Blount

21/03/2020

Geno varo bilateral
Geno varo bilateral

Uma das queixas mais comuns no consultório de ortopedia pediátrica são as pernas tortas ou curvadas em uma criança. Quando uma criança com as pernas tortas ou curvadas fica em pé com pé os pés juntos, há um espaço entre os joelhos. Esse espaço pode ser normal ou pode ser resultado de uma ou de ambas as pernas estarem tortas, curvando-se para fora. Essa aparência curvada pode ser mais visível ou pronunciada ao andar. ortopedista pediátrico goiania

Na maioria dos casos, as pernas tortas naturalmente começam a se endireitar à medida que a criança cresce. Se essa alteração não se resolverem até os 3 anos de idade, pode haver uma doença causando a manutenção desse desvio, como a doença de Blount, raquitismo ou outras. Em muitos desses casos, a criança está significativamente acima do peso (obesa). Nesses casos é recomendado procurar o Dr. Pablo ortopedista pediátrico em goiânia.

Desenvolvimento normal

Na maioria das crianças com menos de 2 anos, o arqueamento das pernas (pernas abertas) é simplesmente uma variação normal na aparência das pernas. Os médicos se referem a esse tipo de reverência como geno varo fisiológico. Dr. Pablo goiânia

Em crianças com geno varo fisiológico, o arco começa a melhorar lentamente aos aproximadamente 18 meses de idade e continua à medida que a criança cresce. Com idades entre 3 e 4 anos, o desvio foi corrigido e as pernas normalmente têm uma aparência normal.

Criança com pernas alinhadas
Criança com pernas alinhadas

Doença de Blount

A doença de Blount é uma condição que pode ocorrer em crianças pequenas e adolescentes. É o resultado de uma anormalidade da placa de crescimento na parte superior da tíbia. As placas de crescimento estão localizadas nas pontas (extremidades) dos ossos longos de uma criança. Eles ajudam a determinar o comprimento e a forma do osso adulto.

Em uma criança com menos de 2 anos, pode ser impossível distinguir a doença de Blount infantil do geno varo fisiológico. Com a idade de 3 anos, no entanto, a curvatura piora e um problema óbvio pode ser visto em um raio-x.

Raquitismo

O raquitismo é uma doença óssea em crianças que causa pernas arqueadas e outras deformidades ósseas. As crianças com raquitismo não recebem cálcio, fósforo ou vitamina D suficientes - todos importantes para o crescimento saudável dos ossos.

O raquitismo nutricional é incomum no Brasil porque muitos alimentos, incluindo produtos lácteos, são enriquecidos com vitamina D. Quando ocorre o raquitismo nutricional, geralmente ocorre naquelas crianças que são amamentadas exclusivamente. O raquitismo também pode ser causado por uma anormalidade genética que não permite que a vitamina D seja absorvida corretamente. Esta forma de raquitismo pode ser herdada.

Doença Blount unilateral
Doença Blount unilateral

Sintomas

As pernas arqueadas são mais evidentes quando uma criança se levanta e caminha. O sintoma mais comum das pernas arqueadas é um padrão de caminhada desajeitado.

Crianças com pernas arqueadas geralmente têm coordenação normal e não demoram a aprender a andar.

Virar os pés para dentro também é comum em crianças pequenas e ocorre frequentemente em combinação com as pernas arqueadas.

As pernas arqueadas normalmente não causam dor na criança mais nova. Durante a adolescência, no entanto, a curvatura persistente pode causar desconforto nos quadris, joelhos e / ou tornozelos devido ao estresse anormal que as pernas curvas exercem sobre essas articulações. Além disso, os pais costumam se preocupar com o fato de a criança cair com muita frequência, principalmente quando correm.

Exame Físico

Se o seu filho tiver menos de 2 anos de idade, com boa saúde e apresentar curvatura simétrica/iguais (a mesma quantidade de curvatura nas duas pernas), provavelmente não será necessário um raio-x no momento.

No entanto, se uma perna está mais curvada do que a outra, pode ser recomendado um raio-x das pernas. Um raio-x das pernas do seu filho na posição em pé (ortostático) pode mostrar a doença de Blount ou o raquitismo.

Se a criança tiver mais de dois anos e meio de idade na primeira consulta e tiver curvatura simétrica, é provável que o seu médico recomende um raio-x. A probabilidade de seu filho ter doença de Blount ou raquitismo infantil é maior nessa idade. Se o raio-x mostrar sinais de raquitismo, deve-se solicitar exames de sangue para confirmar a presença deste distúrbio.

Doença Blount com torção tibial interna associada
Doença Blount com torção tibial interna associada

Tratamento

O geno varo fisiológico quase sempre se corrige espontaneamente à medida que a criança cresce. Essa correção geralmente ocorre entre os 3 e os 4 anos de idade. è recomendado que o médico acompanhe com retornos semestrais (cada 06 meses) até resolução do quadro.

A doença de Blount infantil ou o raquitismo não tratados resultam em uma piora progressiva da curvatura das pernas na infância e adolescência.

O tratamento do raquitismo consiste em descobrir a causa da deficiência e assim realizar a reposição do elemento que está faltando.

O tratamento da Doença de Blount na maioria das vezes é cirúrgico. Pode-se tentar utilizar uma órtese a qual deve ser utilizada quando o paciente deambula (anda) mas os resultados não são bons. Se o desvio continuar progredindo, apesar do uso do aparelho, a cirurgia será necessária para corrigir o problema.

Raquitismo. A cirurgia também pode ser necessária para crianças com raquitismo cujas deformidades persistem, apesar do manejo adequado dos medicamentos.

Procedimentos cirúrgicos. Existem procedimentos diferentes para corrigir as pernas inclinadas, e elas se enquadram em dois tipos principais.

Após a cirurgia, muletas podem ser necessárias por algumas semanas, exercícios de fisioterapia podem ser indicados para restaurar a força e a amplitude de movimento.


Cirurgia para tratamento de doença de Blount
Cirurgia para tratamento de doença de Blount